terça-feira, 19 de junho de 2018

Serviços On-line Automóvel



Já vos tinha falado que tinha feito um pedido de certidão de nascimento on-line. Só o facto de poupar tempo e não ter de ir para repartições públicas ficar horas a fio à espera para fazer um pedido já é um ganho. Tempo e dinheiro. 

Desta vez foi o carro, tinha duas coisas pendentes a resolver: alteração de morada no registo automóvel e alteração da cor do carro. E descobri que ambas podem ser feitas on-line. Descobri até que há uma redução (julgo que de 10% por ser realizada on-line), acho que até deveria ser mais para evitar que a malta vá para lá resolver coisas que pode fazer pela internet, mas pronto já não ter de perder um dia já é bom. 

No meu caso e considerando que as alterações são feitas separadamente primeiro fiz a alteração de morada e quando chegar o novo livrete tenho de fazer o pedido de alteração da cor do automóvel para que as informações fiquem corretas. Porque se pedisse ambas ao mesmo tempo poderia acontecer receber um livrete com a morada antiga e a cor do carro correta e um outro com a morada correta e a cor do carro errada. Por isso atenção a se fazem mais de uma alteração.

Ps - tinha até pensado, antes de pesquisar on-line, pedir o serviço a uma Escola de Condução (por isso, pesquisa = poupança)

terça-feira, 12 de junho de 2018

Telemóvel a prestações?


Se há coisa que detesto comprar são telemóveis.. por norma mudo de 3 em 3 anos e é sempre porque começa sempre a dar problemas nessa altura. 

Tenho um smartphone mas normalmente é um que já saiu há algum tempo (o que reduz drasticamente o preço) e sinceramente, mesmo que pudesse, não me imagino a comprar um telemóvel de 500€.

Em conversa com a minha prima percebi que comprou um telemóvel a prestações..e pensei, a sério?

Diz que paga em 24 vezes x 20€. Ela achava que 20€ é um valor muito baixo, mas questiono-me, se não tem esse valor para comprar o telemóvel a pronto, não devia ter junto esse valor durante 6 ou 12 meses e depois comprar um telemóvel que pudesse pagar, longe de dívidas?




quarta-feira, 6 de junho de 2018

Costureiras..



Ando a acumular uma série de roupa para levar a uma costureira (entretanto já vi duas perto de mim).

- Vestidos para cortar
- Calças para trocar o fecho
- Vestido para apertar
- Calças dadas para fazer bainhas

Depois partilho a minha experiência (porque sinceramente já não sei qual foi a última vez que fui a uma costureira).

quarta-feira, 30 de maio de 2018

Calças...



Poupanças em calças é sentir que as calças atuais estão a ficar grandes de mais e lembrar-me que tinha umas iguais de nº anterior que quando as comprei não experimentei e não fui a tempo de trocar!
Yupi um nº a menos e ainda sem necessidade de investimento!!

sábado, 26 de maio de 2018

Ainda a propósito das poupanças literárias


Num mês e uma semana li 8 livros. Mas apesar da inscrição na biblioteca alguns ainda foram comprados, apesar de em promoções (30% de desconto) ou em 2ª mão (50% de desconto) ainda representaram a módica quantia de 35€. 

A verdade é que dois deles vou tentar vende-los e recuperar assim algum valor, mas fiz as contas a quanto poupei por ter ido buscar os restantes livros a uma biblioteca e foram cerca de 60€ (isto considerando que os compraria em segunda mão ou com uma promoção de 30%, nem se quer novos)!

Sem dúvida que a utilização da biblioteca está a resultar muito bem para mim (principalmente porque me permite pesquisar no catálogo on-line e colocar em reserva :))


terça-feira, 22 de maio de 2018

Substituir??


A minha mãe numa limpeza do exaustor tinha deformado uma das placas, já lhes tinha dito que aquilo não tinha jeito nenhum e qual não é a minha surpresa quando cheguei lá a casa e reparei que o exaustor já estava "bem", perguntei se o tinham trocado e fiquei ainda mais surpreendida com a resposta "não, encomendamos a placa na marca e substituímos". Basicamente ficou como novo e fiquei muito feliz por terem pensado nesta alternativa!

PS - com 13€ resolveram a situação.

quinta-feira, 17 de maio de 2018

Jantaradas


O jantar fora era um grande calcanhar de Aquiles nas poupanças..


Mas, desde que iniciei a minha reeducação alimentar tenho evitado (sem qualquer tipo de custo) as jantaradas fora. Começo a pensar que seca não saber o que comer, ou poder escolher uma coisa que ache que vou gostar mas que não estou segura, então temos jantado e almoçado muito menos vezes fora. 

Para além disso como tenho quase sempre sopa no frigorífico (faço cerca de 3 por semana), quando não nos apetece cozinhar, atalhamos.. já temos sopa.. o que rapidamente podemos fazer? ontem foi uma salada que os legumes também se iam estragar...