segunda-feira, 21 de dezembro de 2020

E as prendas de natal?

 Eu por norma costumo ir comprando as prendas de natal ao longo do ano, aproveito os saldos, as promoções e as coisinhas a preços mais baratos do que o normal. Acontece que este ano foi completamente atípico, por força do confinamento mal saímos de casa e então centros comerciais foi mesmo o que mais evitei. Resultado: pouquissimas prendas compradas em Dezembro. Houve alguma coisas que encomendei on-line, presentes mais caros que foram para os familiares mais próximos, os restantes como fiz?

Tenho a sorte de os meus pais viverem literalmente a 100 metros de uma das maiores feiras do país, foi só aproveitar. Optei por pijamas, pantufas, chinelos e mantinhas para os tios mais velhos. Quase tudo confeção nacional.

Às primas optamos por experiências, uma massagem relaxante e felizmente os miúdos eram os que já tinha comprado coisinhas quando fomos para o confinamento. Por isso tudo tratado. 

Acresce que dividi os presentes com a minha irmã (para o próximo ano será igual, por isso vou já preparar durante o ano).

Estes familiares são cerca de 10 e ficou no total 165€, ou seja gastamos cada uma cerca de 82,50 e os presentes ficaram a cerca de 16€ para cada pessoa. O facto de nos juntarmos acho que permitiu que o orçamento ficasse abaixo do previsto. Por tanto a repetir no próximo ano e seguramente que o facto de saber isto de antemão irá permitir comprar melhores presentes!

Sem comentários:

Publicar um comentário